Escoteiros, escola e comunidade


Foto oficial ação social Escola ABLO local escolhido para as atividades deste sábado, 25 de novembro de 2017,foi a Escola Municipal de Ensino Fundamental Aristóbulo Barbosa Leão, em Bento Ferreira. O 11º/ES Grupo Escoteiro do Mar Ilha de Vitória deixou seu local regular de atividades, a Praia de Santa Helena, para apoiar a VII AÇÃO SOCIAL ABL: Identidade 2017, realizada nesta escola pública municipal. O evento contou com a participação de todos os ramos.

Hasteamento da Bandeira ao som do Hino Nacional

Hasteamento da Bandeira ao som do Hino Nacional

Para dar início as atividades, o I.B.O.A. de abertura desta vez contou com uma novidade: O sistema de som da Escola tocou o Hino Nacional! O diretor da Escola , os professores, os alunos, familiares e demais participantes assistiram os jovens e adultos voluntários do nosso grupo Escoteiro realizarem o ritual de hasteamento da Bandeira Nacional, a do Estado do Espírito Santo e a do nosso Grupo Escoteiro.

Conhecendo e respeitando outras culturas

Chefe Lourdes inspeciona Chefe Julia

Chefe Lourdes inspeciona Chefe Julia no I.B.O.A. de abertura

A Ação Comunitária acontece anualmente na Escola Aristóbulo Barbosa Leão e, neste sétimo ano de realização, na semana da consciência negra, a escola trabalhou com os alunos a valorização da cultura Africana, envolvendo os alunos, as famílias e a comunidade em uma abordagem temática que envolveu costumes, cultura e culinária. Pelas paredes da escola foram expostas imagens, desenhos e figuras que simbolizava um pouco da identidade forte deste povo que tanto nos influencia.

Um dos pontos altos desta manifestação cultural foi o desfile dos próprios alunos com mostra de roupas, penteados e maquiagem Afro. Teve também apresentação de danças, capoeira, samba, tudo relacionado a cultura de raiz africana. O escola conseguiu envolver a família dos alunos que ajudaram na confecção das roupas, na elaboração dos penteados e da maquiagem. Um trabalho de pesquisa que resultou em uma atividade que envolveu e contagiou todos os presentes!

A ação comunitária foi um sucesso total!

Luiz Carlos Salvadeu – Diretor da E.M.E.F. Aristóbulo Barbosa Leão

Havia também oficinas de artesanatos: pintura em tecido, crochê, pintura facial, atividades de saúde como aferição de pressão, apresentação sobre os cuidados bucais, entrega de kit para higiene bucal e venda de lanches. Os jovens do nosso Grupo Escoteiro participaram ativamente recebendo e incentivando as crianças nas atividades escoteiras. Participaram também das oficinas e atividades proposta pela escola.

 Uma ação que envolve todos

Os Chefes Escoteiros programaram atividades diversas visando o desenvolvimento das crianças e jovens da escola em conjunto com os jovens do nosso Grupo Escoteiro. Os jovens participavam das atividades em um sistema de rodízio conhecido como “atividades de base”. As atividades iniciaram às 8h porém, bem antes disto, jovens e chefes dos ramos sênior e pioneiro, acompanhados do Chefe Albert já estavam à postos para a montagem dos equipamentos e das bases que requeriam amarrações com cordas e verificações de segurança.

Os jovens do nosso grupo Escoteiro e da comunidade se divertiram bastante. Teve roda de canções, falsa baiana, espingarda, leão e homem, ponte e canguru e para os lobinhos ainda houve bases com jogos que buscavam o desenvolvimento das habilidade de agilidade e precisão.

Foi um processo interativo bastante rico em que os jovens do nosso Grupo Escoteiro tiveram a oportunidade de interagirem entre si e envolverem as crianças da comunidade, que não ficaram paradas! Pioneiros, seniores e escoteiros ajudavam a aplicar as atividades e, uma a uma, as crianças iam passando pelas bases.

O evento foi um importante momento de interação entre escola, Grupo Escoteiro e comunidade. Ações como estas são de grande valor, pois proporcionam a troca de conhecimento, vivência e crescimento para todos, além, é claro, de estarem alinhadas com as diretrizes estratégicas do nosso Grupo Escoteiro e com o Programa Educativo da União dos Escoteiros do Brasil (UEB)

Como expressão dos princípios sociais do Movimento, o Método Escoteiro é propício a que os jovens assumam uma atitude solidária, realizem ações concretas de serviço e se integrem progressivamente ao desenvolvimento de suas comunidades.

Do documento Projeto Educativo do Movimento Escoteiro , publicado pelo Escritório Nacional da UEB

O 11º/ES Grupo Escoteiro do Mar Ilha de Vitória agradece a parceria com a E.M.E.F. Aristóbulo Barbosa Leão, na pessoa de seu diretor, o Sr. Luiz Carlos Salvadeu, por abrir as portas da escola e receber carinhosamente nossos jovens para suas atividades. Agradecemos também pelo convite para participarmos dessa ação comunitária, uma atividade para a qual, movidos pelo escotismo, estaremos sempre dispostos a colaborar.

Mais fotos

Clique na foto abaixo para acessar diretamente o álbum de fotos sobre a Ação Social na Escola ABL em nossa página no flickr , com 90 fotos com flagrantes desta nossa manhã de diversão, aprendizado e integração com a escola e com a comunidade.

Atividade comunitária na Escola ABL 2511/2017


Redação: Graziela Oliveira; Edição: Jodelson Sabino; Fotos: Aldrey Gonçalves