Sábado agitado para os jovens do Ilha


Com atividades em locais diferentes, os jovens do 11º/ES Grupo Escoteiro do Mar Ilha de Vitória, tiveram um dia cheio. Isso mesmo, um dia cheio! Alguns ramos tiveram atividades o dia inteiro. Haja fôlego! … Mas fôlego é o que não falta para estes jovens!

  • Jogos de bases;
  • Módulo de Primeiros Socorros;
  • Confecção de jangadas;
  • Especialidade de natação;
  • E alimentação – elaborada pelos pioneiros para os participantes do Módulo de Primeiros Socorros.

A Alcateia Lobos do Mar ainda tive a honra de receber a visita do Chefe Eduardo e do Lobinho Daniel, do 35° Grupo Escoteiro Linhares, a quem agradeceram a visita e se despediram com o convite para um retorno breve.

Bandeira nova para a Alcateia

Neste sábado, 13 de maio de 2017, os lobinhos inauguraram a nova bandeira da Alcateia. Bandeira que teve seu desenho feito pelos próprios lobinhos em uma atividade feita no 2º semestre de 2016. Foi pedido a cada lobinho que fizesse, em casa,  um desenho para estampar a nova bandeira. Posteriormente, os lobinhos se reuniram para escolher o desenho que melhor representasse o ramo, com o tema “Lobos do Mar”, que é o nome da Alcateia. E assim foi feito! Também neste sábado os lobinhos puderam fazer um I.B.O.A. próprio da Alcateia. Como apenas eles se reuniram na Praia de Santa Helena, a formação do I.B.O.A. foi diferente. Ao invés de fazer uma ferradura foi feito um círculo tangenciando a árvore em que foi hasteada a bandeira, de modo que a própria árvore ficou posicionada como um dos componentes do círculo.

A atividade do dia foi “Jogos de Bases”. O objetivo era trabalhar a coordenação motora e incentivar o trabalho em equipe. Com a ajuda de pais apoiadores foram montadas bases, cada uma com uma atividade diferente a ser realizada. Os jovens visitavam as bases aos pares e o grande desafio era concluir a atividade junto com o parceiro, pois só era considerada finalizada a atividade da base quando a dupla terminasse a tarefa.

Foram montadas cinco bases. Os nomes de cada uma representa um personagem do filme que é pano de fundo do Ramo Lobinho, Mogli – Menino Lobo. Eram elas:

  • Base Lobo;
  • Base Baguera;
  • Base Kaa;
  • Base Baloo;
  • Base Francisco de Assis.

O nome da última base faz referência a Francisco de Assis, conhecido pelo amor e pelo cuidado com os animais. É um exemplo para os lobinhos que também devem amar, respeitar e proteger os animais, assim como toda a natureza.

Formação em círculo ao invés de ferradura e com a árvore participando como um elemento da formação

Formação em círculo ao invés de ferradura e com a árvore participando como um elemento da formação

Escoteiros se desdobram para aprender

Os escoteiros tiveram atividades em outros locais. Separados dos lobinhos. Enquanto uma parte dos escoteiros fazia o Módulo de Primeiros Socorros, os demais se reuniram na casa da Escoteira Sofia Borges para montar jangadas que serão utilizadas na decoração da Confraternização de 21 anos do 11º/ES Grupo Escoteiro do Mar Ilha de Vitória.

Foram feitos 60 jangadas. Os escoteiros dividiram-se em duplas e em 3 horas e 30 minutos deram conta da tarefa. Os chefes passaram duas formas diferentes para montar a jangada. Cada dupla teve autonomia para utilizar a que melhor lhe conviesse. Vamos aguardar até dia 28/05, quando será o nossa Confraternização, com um almoço de massas, para conferir o trabalho dos jovens!

Na parte da tarde, os escoteiros tiveram a oportunidade de conquistar a especialidade de natação nível 2. Para tanto tiveram que demonstrar as habilidades previstas nessa especialidade incluindo alguns estilos de nado e também tiveram que dar explicações sobre alguns itens de salvatagem. Os escoteiros participaram das atividades com muito entusiasmo. Foi um dia de novos conhecimentos e crescimento para os jovens.

 Pioneiros em ação

Os pioneiros ficaram por conta de planejar, preparar e fornecer a alimentação para os escoteiros, seniores e chefes que participaram do Módulo de Primeiros Socorros. O valor arrecadado pelos pioneiros servirá para custear as suas atividades e contribuições voluntárias para o Grupo Escoteiro e para cobrir as despesas de seus registros anuais na União dos Escoteiros do Brasil.

Foram servidos café da manhã, almoço e lanche da tarde. O cardápio foi aprovado por todos! Parabéns aos pioneiros pela iniciativa que muito colaborou com o sucesso do evento e lhe deram a oportunidade de aprender fazendo.


Redação: Graziela Oliveira, fotos: Jodelson Sabino, edição: Bernardo Vasconcellos